Abortos Forçados – Como a legalização do aborto tira das mulheres seus direitos reprodutivos. Autores: Marlon Derosa e Lenise Garcia. Editora Estudos Nacionais. 107 páginas.

Texto da 4a capa – “Abortos forçados ocorrem quando mulheres sofrem pressão ou são coagidas a abortar, implícita ou explicitamente, com ou sem violência.

“Forçadas a cometer um aborto, seja por seus companheiros, familiares, amigos ou pessoas pŕoximas, as mulheres são expostas a todos os danos do aborto para sua saúde física e psicológica, além de perderem seu filho. A prática é mais comum nos países em que o aborto é legalizado, o que aponta para os graves riscos a que mulheres são expostas nesses países.

“Evidências da ocorrência de abortos forçados hoje são abundantes. Este livro traz relatos de casos concretos, fartamente observados por entidades que prestam apoio a gestantes em situação de vulnerabilidade, além de notícias de jornais, quando os relatos envolvem violência física. Além disso, este livro traz estudos científicos que buscaram mensurar a magnitude do fenômeno no Brasil e no mundo.”

Sumário

1. Com aborto legalizado: abortar é um ato livre da mulher?

2. Magnitude dos abortos foçados

3. O drama do aborto forçado: casos no exterior

4. O drama do aborto forçado: casos no Brasil

5. Abortos forçados pelo estado ou instituições

6. Considerações finais

*

Vida sim, aborto não!

***