Antigamente, quando o pãozinho era vendido por unidade, era raro encontrar um pão de 50g. Agora que o pãozinho é vendido por peso, a situação se inverteu: é raro achar um pão de 50g; pesam todos mais do que isso. De uma hora para outra, o faturamento das padarias foi pras alturas.

Mas os padeiros não estão sozinhos. Você se lembra do kit obrigatório de primeiros socorros? E que tal a mudança das tomadas elétricas?

O papel higiênico tinha 40m; passou para 30, pelo mesmo preço.

A generalização dessa manobra levou até à criação de uma lei que obriga os fabricantes a destacarem no rótulo a redução de tamanho.

Como se lei resolvesse tudo no Brasil…

***