Você pode não concordar 100% com o Escola Sem Partido, mas uma coisa você tem que admitir: eles colocaram o dedo na ferida.

A escola é um dos principais fronts da dominação comunista. Já ensinava Lênin: “Deixe uma criança comigo por quatro anos e o que eu ensinar jamais sairá da cabeça dela”. Os outros fronts são a mídia e a indústria cultural.

O ESP incomoda tanto que até a ONU acusou o golpe. Na semana passada, o Alto Comissariado (parece nome comunista) de Direitos Humanos da ONU enviou uma carta (PDF) ao governo brasileiro criticando a proposta do ESP. Segundo os burocratas do órgão globalista, os pais não têm direito a decidir o que deve ser ensinado aos filhos. Leia com os seus próprios olhos (página 7 da famigerada carta, 4a linha):

The objective of the teaching profession is to instruct students fully to learn about the world in many different ways: some of which they, their parents might disagree with.

Entendeu? Eles podem colocar todas as porcarias que quiserem nas cabeças das crianças e pai nenhum tem nada a ver com isso.

***

Anúncios