O Brasil virou o país do capeta.

Para onde quer que se olhe, só vemos barbaridade: assassinatos, drogas, estupros, aborto, divórcio, eutanásia, teologia da libertação, da missão integral, revoltas, motins, ateísmo e suicídio.

O suicídio é a consequência natural de uma sociedade sem Deus: se não há Deus, a vida não tem sentido.

O Brasil, que já foi um país cristão, hoje é um país, na melhor das hipóteses, pagão. Boa parte da população jovem é atéia, vive como se Deus não existisse.

Esse fenômeno foi causado pelo avanço do comunismo na educação, na mídia e na cultura.

Se você, que me lê, é ateu, responda o seguinte: você já procurou saber quais as raízes do seu ateísmo, sabichão? Analise a sua vida com calma e sinceridade e vai descobrir que o seu ateísmo foi colocado na sua cabeça pelas prostitutas da educação, da mídia e da cultura.

Você não acredita em Deus mas acredita na televisão. Não é uma maravilha?

*

PS: sociedade atéia não existe, nunca existiu nem nunca existirá. O islã vem aí para preencher o vácuo deixado pelo Cristianismo.

***

Anúncios