Há indícios de que a Coréia do Norte está reativando uma planta nuclear usada para enriquecimento de urânio. A planta foi fechada em 2007 num acordo para fornecimento de óleo combustível, material de que o país precisava desesperadamente.

Estima-se que o arsenal nuclear daquela nação seja de 10 a 16 bombas, incluindo de 6 a 8 bombas de urânio. As bombas atômicas são feitas de urânio ou plutônio. As de urânio são mais rápidas de construir e pesam menos, importante característica num artefato que deve ser transportado por um míssil de longo alcance. Esta planta norte-coreana tem capacidade para construir 2 bombas por ano.

***

Anúncios